sexta-feira, janeiro 25, 2008

Se ouvir


Há luz, há cor
em todo esse labor
da tua escrita.
Mesmo da palavra dor
se solta amor:
é isso que
- se te ouvires -
tu gritas.

Luísa Veríssimo, in Mais Poemas, inédito, 2008
Foto: Isabel Solano

1 comentário:

Chiara Luna disse...

Passei por aqui e fiquei:-)