sexta-feira, fevereiro 22, 2008

Palavra sem mais


A PALAVRA

A que mais se prolonga
termina e continua
A que abre um espaço e dança
a que quebra e é uma
e só lisa espada

Ó palavra que duras
no teu ar e nas pedras
brilhas só quando passas
respiras continuas
ó palavra sem mais

António Ramos Rosa, in "Voz inicial", A Palavra e o Lugar, Publicações Dom Quixote, 1977
Foto: Isabel Solano

6 comentários:

L de Luis disse...

Palavra certa.

Fox disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
isolano disse...

Obrigada pela visita, l de luis! :-)

Chiara Luna disse...

Linda!!!

alice disse...

agradeço a visita e o link que retribuo com grato prazer. gostei muito de ler e sobretudo da sua fotografia da magnólia. tenho uma no meu jardim, é uma árvore maravilhosa. um abraço fraterno.

Dinos disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.