domingo, abril 20, 2008

Presente mais que perfeito


Há um presente mais que perfeito
em cada botão de flor a abrir.
Suspende-se o tempo
e cada instante
é um momento completo,
sem passado nem devir.

16/4/2008

Luísa Veríssimo, in Mais Poemas, inédito, 2008
Fotografia: Isabel Solano

1 comentário:

Andreia Lopes disse...

Cada momento é um precioso presente!
*