sábado, fevereiro 07, 2009

Nós


Quando um dia nos sentarmos à mesma mesa
poisaremos enfim os olhos longe da tristeza
que sente a montanha por não ver o mar

6/2/2009

Luísa Veríssimo, in Nós, inédito, 2009
Foto: Isabel Solano

2 comentários:

num relance disse...

mar

e da montanha ao mar um passo
entre um vento e uma rajada
fez-se o tempo demais ao mar
entre o tempo de uma passada

Pedro
inspirado aqui

RuiMoutinho disse...

parabéns pelo teu excelente trabalho.