quarta-feira, agosto 19, 2009

Mudez


Pelas espessuras do silêncio
é que vamos
olhos desvendados
tacteando nadas
Consumimos as palavras
todas
em frases loucas
Já não temos senão
algumas interjeições
as menos usadas
e duas ou três conjunções
das que não lembram ao diabo

17/11/2007

Isabel Solano, in Errância, inédito, 2007.
Foto: Isabel Solano

1 comentário:

VFS disse...

mudez

...

para ascender ao todo!